Thunder Fight 3 Results And Recap

Thunder Fight 3 Results And Recap 

thunder3

With crowded gym, Thunder Fight 3 had big fights and his first set champion

 

The gym of São Judas Tadeu University in the traditional neighborhood of Mooca in São Paulo became small for the third edition of Thunder Fight, held last Saturday 11. The event had 13 professional fights highlighting the main event of the night, where Thiago “Para” dominated the experienced Pippa Gameth and won the inaugural belt of the welterweight category of the event, the first in the history of the organization.

The evening was marked by electrifying fights and many twists and turns. In the first fight of the night, Edson Jabá started well the work by imposing an impressive mastery of Max Rock and win the TKO after just 1m35s combat. With a very participatory audience and making a lot of noise, the athletes responded in the cage, all the support from the stands.

 

THIAGO “PARA” MASTERS EDVALDO GAMETH and focuses CHAMPION
The main duel of the evening was marked by putting two extremely strong athletes for the welterweight category, the youngster Thiago “Para” faced the experienced Pippa Gameth.During the fight three rounds, Thiago managed to impose his game for over Gameth avoiding striking with veteran and getting big falls and keeping Gameth below.

 

Gameth had good times, especially early in the second and third round when he could press Pará with his striking, but Pará cleverly did not accept the Gameth game and tried to play the solo pro fight, which controlled the shares and applied powerful punches. Gameth twice narrowly missed finishing with a knee brace, his specialty, but Para resisted well and took the fight over his domain to the end.

 

In the jury decision, unanimous decision victory Thiago “Para” who became the first champion in the history of the event.

 

CICERO Gardenal EDUARDO AND FIREMAN MAKE THE BEST FIGHT NIGHT
The fight of the night was due to the spectacular fight between Cicero Gardenal and Eduardo Fire. Favorite, Cicero was trying to impose its rhythm in striking and won a knockdown in the first round, but Eduardo Fire was on and quickly recovered. If Gardenal was better in striking, with more incisive strokes, Firefighter taught a class of falls, knocking Gardenal several times and in various ways. After three rounds of a real war, Eduardo Fire came out the winner by split decision of the judges.

 

The night also featured other highlights such as the spectacular knockout of Edson “Hair” up Wilson Fonseca and Vitor Figueiredo on Thiago “TKS”, besides the recovery of Ze Reborn and Edson own “Hair.”

 

See the complete results of the third edition of Thunder Fight:

 

THUNDER FIGHT 3
Date: April 11, 2015, at 18h
Location: São Judas Tadeu University – Mooca – SP

 

CARD EVENT
Thiago Pará won Pippa Gameth by unanimous decision 
Henrique Rasputin won Clécio Gross by submission (rear naked choke) in round 
Felipe Lira Alisson Ephraim won by knockout in the first round technico 
Victor Figueiredo won Thiago “TKS” by knockout in the second round 
Ze Reborn won Fernando Full dos Santos by TKO in the second round 
Leandro Compri Washington Mammoth won by submission (guillotine) in the second 
round 
Eduardo Fire won Cicero Gardenal split decision of the judges 
Hair Edson Wilson Fonseca won by TKO in the second round 
Denis Alagoas Joseph won “Baiano Loco” by submission (triangle) in the first round 
Diego Lopes won Duda Sales via submission (heel Key) in the first round 
Rafael Souza won Robson Punk by unanimous decision 
Mark “Detona Ralph” won Antonio Cesar Nardoni by decision the unanimous 
jury 
Edson Jaba Max Rock won by TKO in the first round

Bombeiro derruba Gardenal Par+í acerta Gameth Par+í com cintur+úo Publico encheu o gin+ísio (2) Thiago Par+í +¬ anunciado vencedor

Com ginásio lotado, Thunder Fight 3 contou com grandes lutas e seu primeiro campeão definido

 

O ginásio da Universidade São Judas Tadeu no tradicional bairro da Mooca em São Paulo ficou pequeno para a terceira edição do Thunder Fight, realizado no último sábado, dia 11. O evento contou com 13 lutas profissionais com destaque para a luta principal da noite, onde Thiago “Pará” dominou o experiente Edvaldo Gameth e faturou o cinturão inaugural da categoria meio-médio do evento, o primeiro da história da organização.

A noite foi marcada por lutas eletrizantes e muitas reviravoltas. Na primeira luta da noite, Edson Jabá começou bem os trabalhos ao impor um impressionante domínio sobre Max Rocha e conquistar o nocaute técnico logo aos 1m35s de combate. Com uma plateia muito participativa e fazendo muito barulho, os atletas responderam no cage, todo o apoio vindo da arquibancada.

 

THIAGO “PARÁ” DOMINA EDVALDO GAMETH E SE CONSAGRA CAMPEÃO
O duelo principal da noite era marcado por colocar dois atletas extremamente fortes para a categoria dos meio-médios, o jovem Thiago “Pará” encarou o experiente Edvaldo Gameth. Durante a luta de três rounds, Thiago conseguiu impor seu jogo pra cima de Gameth evitando a trocação com o veterano e conseguindo grandes quedas e mantendo Gameth por baixo.

 

Gameth teve bons momentos, principalmente no início do segundo e terceiro round quando conseguiu pressionar Pará com sua trocação, mas Pará inteligentemente não aceitava o jogo de Gameth e tratava de jogar a luta pro solo, onde controlava as ações e aplicava potentes socos. Gameth por duas vezes por pouco não finalizou com uma chave de joelho, sua especialidade, mas Pará resistiu bem e levou o combate sobre seu domínio até o final.

 

Na decisão dos jurados, vitória por decisão unânime de Thiago “Pará” que se tornou o primeiro campeão da história do evento.

 

CICERO GARDENAL E EDUARDO BOMBEIRO FAZEM A MELHOR LUTA DA NOITE
A melhor luta da noite ficou por conta do espetacular combate entre Cícero Gardenal e Eduardo Bombeiro. Favorito, Cícero tentava impor seu ritmo na trocação e conquistou um knockdown ainda no primeiro round, mas Eduardo Bombeiro estava ligado e se recuperou rapidamente. Se Gardenal era melhor na trocação, com golpes mais incisivos, Bombeiro deu uma aula de quedas, derrubando Gardenal diversas vezes e de variadas formas. Após três rounds de uma verdadeira guerra, Eduardo Bombeiro saiu vencedor  por decisão dividida dos jurados.

 

A noite ainda contou com outros destaques, como o espetacular nocaute de Edson “Cabelo” pra cima de Wilson Fonseca e de Vitor Figueiredo sobre Thiago “TKS”, além das recuperações de Zé Reborn e o próprio Edson “Cabelo”.

 

Veja os resultados completos da terceira edição do Thunder Fight:

 

THUNDER FIGHT 3
Data: 11 de abril de 2015, às 18 horas
Local: Universidade São Judas Tadeu – Mooca – SP

 

CARD DO EVENTO
Thiago Pará venceu Edvaldo Gameth por decisão unânime dos jurados
Henrique Rasputin venceu Clécio Bruto por finalização (mata-leão) no primeiro round
Felipe Efraim venceu Alisson Lira por nocaute ténico no primeiro round
Victor Figueiredo venceu Thiago “TKS” por nocaute no segundo round
Zé Reborn venceu Fernando Cheio dos Santos por nocaute técnico no segundo round
Leandro Compri venceu Washington Mamute por finalização (guilhotina) no segundo
round
Eduardo Bombeiro venceu Cicero Gardenal por decisão dividida dos jurados
Edson Cabelo venceu Wilson Fonseca por nocaute técnico no segundo round
Denis Alagoas venceu José “Baiano Loco” por finalização (triângulo) no primeiro round
Diego Lopes venceu Duda Sales por finalização (Chave de calcanhar) no primeiro round
Rafael Souza venceu Robson Punk por decisão unânime dos jurados
Marcos “Detona Ralph” venceu Antônio Cesar Nardoni por decisão unânime dos
jurados
Edson Jaba venceu Max Rocha por nocaute técnico no primeiro round

.ads in wordpress

MMA Gear

vancouver photography

No Comments Yet.

Leave a comment